Page Builder: Vale a pena usar?

Provavelmente se você é da área de TI ou já pesquisou sobre como criar websites de um jeito fácil, provavelmente já teve pelo menos um contato as plataformas page builders ou também conhecidos como sistemas de construção de sites.

São plataformas que permitem criarmos páginas de websites por meio da personalização de uma interface gráfica, tendo pouco contato em ter que escrever linhas de código em HTML, CSS e JS. A maioria dos page builders permite que você crie várias páginas arrastando blocos de elementos (botões, imagens, textos, cabeçalhos entre outros ) e posicionando da forma com que achar melhor.

Existem diversas plataformas que oferecem este serviço, principalmente quando nos referimos ao WordPress, podemos encontrar soluções como o Elementor, WP Bakery, Oxygen e outros. Fora do wordpress podemos encontrar o WIX, Webflow e o Hubspot.

Mas realmente vale a pena apostar em um page builder para construir sites em 2022? A resposta é simples: depende.

Existem vantagens e desvantagens ao optar por um page builder para construção de um website, neste artigo irei brevemente apresentar os pontos de maior destaque para que você possa encontrar a solução mais adequada.

Vantagens

Desenvolvimento Rápido

Como se trata de uma solução onde os blocos de conteúdos são oferecidos para que o desenvolvedor utilize e personalize da forma que quiser (tendo pouquíssimo contato com o código fonte em si), o desenvolvimento do website se torna muito mais rápido e dinâmico, tendo soluções visualmente atrativas e que garantam pouco esforço em desenvolvimento, sem contar na variedade de temas pré fabricados que podem servir como uma estrutura base, substituindo seus conteúdos.

Se você necessita de um site simples, com um design elegante em um prazo curto, vale apena apostar em um page builder.

Menor investimento financeiro

Se você necessita de um site simples e tem pouco dinheiro para investir na parte digital da sua empresa, há page builders que oferecem serviços de assinaturas (U$$ 49 por ano para sites grandes e estruturados) e versões gratuitas que podem atender bem a sua necessidade, dependendo de qual a estrutura e comunicação você pensou para o seu site.

Responsividade

As plataformas oferecem temas com alta responsividade, onde com alguns pequenos ajustes, o website criado passa a ter uma versão bem adaptada para dispositivos móveis, garantindo uma boa experiência do usuário em qualquer dispositivo. Isso acaba por economizar várias horas de desenvolvimento, agilizando o processo de criação de um website.

Desvantagens

Pouca Flexibilidade

Como a proposta dos page builder são de oferecer soluções pré fabricadas em blocos para que o usuário utilize de forma mais prática, rápida e intuitiva, qualquer funcionalidade que você opte por implementar e a plataforma escolhida não ofereça, acaba acarretando a necessidade de personalização, o que não é muito recomendada pois necessitaria de ter um profissional de TI especializado para desenvolver um bloco de código não oficial (ou podemos até chamar de gambiarra) para que o page builder interprete e permita sua utilização.

Nos ultimo anos, as plataformas tem observado esse fenômeno e trabalhado em opções onde o usuário possa escrever o código livremente, para resolver a pouca flexibilidade.

Limitação de SEO

Search Engine Optimization ou SEO, são recursos que auxiliam o website a ser melhor ranqueado nas pesquisas dos diferentes buscadores web como Google, Bing e Yahoo. Mas qual é a limitação que isso acarreta em um site feito por uma plataforma de construção? Como a maioria dos códigos são classificados em blocos de construção, esses blocos acabam por não integrar por completo as melhores práticas de SEO prejudicando o ranqueamento e até mesmo a performance de carregamento de conteúdo do site.

Escalabilidade do site

Se a premissa do projeto de website for se tornar uma loja virtual ou até mesmo um sistema com permissões de acesso, alguns page builder acabam por serem bem limitados em recursos disponíveis para tal, podendo acarretar de em um futuro próximo, ter a necessidade de desenvolver uma outra solução fora da plataforma disponibilizada para atender as suas soluções de negócio. Se seu projeto tem uma perspectiva de crescimento a longo prazo, a melhor opção é deixar os page builders de lado e optar por sistema totalmente personalizado.


Ter um bom planejamento de conteúdo e de escopo do website é o primeiro passo para você tomar a decisão correta de utilizar um construtor de websites ou não, por um lado é uma solução mais barata que os sistemas personalizados, mas a longo prazo pode acarretar uma maior despesa de tempo e dinheiro se os recursos passarem a não serem suficientes.

Mateus Franco

Ux & UI Designer na Bitzen Tecnologia

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Open chat