A importância do JavaScript na comunicação com o servidor web

O Javascript é uma linguagem de programação de alto-nível, criada em 1995 pelo programador Brendan Eich. Atualmente é a linguagem de programação mais popular no desenvolvimento web, sendo suportada por todos os navegadores oferece dinamismo e resultados impressionantes.

Com o Javascript podemos desenvolver PWA’s (Progressive Web App), isso permite um servidor para diversas plataformas de navegação browser. O node.js (um interpretador de Javascript assíncrono) executa o backend do servidor e frontend, suporta os frameworks (Ex: Vue,React,Angular) dedicados ao client side. Também possibilitam a comunicação do usuário com o sistema no frontend e banco de dados.

 

  •             Pros: Contato direto com usuário mobile sem necessidade de instalação ou download.

 

  •             Contras: Sem suporte aos sensores dos dispositivos.

Outras formas de desenvolvimento de software Mobile são os chamados Nativos e Híbridos.

 

Os Híbridos platform:

Os aplicativos Híbridos são aplicativos Cross-platform (que funciona em plataformas de S.O distintas como IOS, ANDROID) desenvolvidos com Cordova, ou seja, uma estrutura de desenvolvimento que consegue acessar os recursos nativos do dispositivo, como câmera, gps, velocímetro, etc. Sendo assim, está mais relacionado ao desenvolvimento estrutural do aplicativo.

Há também o framework IONIC, que contempla a parte de UX/UI do projeto, lidando com a parte visual do app.

 

  •             Pros: Há uma curta curva de aprendizado para quem está iniciando, por ser desenvolvido com linguagens de programação mais simples (HTML,CSS,ES6), logo, a facilidade conseguir uma oportunidade de emprego é maior.

 

  •             Contras: Por ser melhor em relação ao acesso à recursos próprios do dispositivo os aplicativos nativos superam os híbridos em algumas funções dos smartphones como aos contatos, sms, nfc, realidade aumentada e comunicação inter-app.

 

 

            Os Nativos/Single-Platform:

É desenvolvido para cada um dos sistemas operacionais de um dispositivo, usando suas linguagens específicas, por este motivo possui uma alta performance e usabilidade, ou seja, ele é mais rápido e o usuário navega pelo aplicativo com mais facilidade, sem encontrar grandes “barreiras” ou procurar onde está cada função, uma vez que a aplicação é desenvolvida considerando as particularidades de cada sistema operacional.

Geralmente, os melhores aplicativos são os que tem sua problemática bem definida e sabe quais recursos a serem utilizados e funções a serem desenvolvidas, e por isso, conseguem entregar uma boa solução para tal problema. É recomendável o desenvolvimento nessa base quando há de se utilizar recursos nativos do dispositivo.

 

  •             Pros: Os aplicativos nativos são perfeitos para os desenvolvedores que têm como objetivo trabalhar com ferramentas de baixo nível do dispositivo, além disso, por serem desenvolvidos na linguagem do sistema operacional e armazenados localmente, alcançam a acessibilidade às APIs necessárias para conseguir informações de sensores.

 

  •             Contras: O app em si terá de ser desenvolvido mais de uma vez caso seja necessário operar em sistemas operacionais diferentes, sendo assim, o custo e o tempo de produção pode ser dobrado em comparação ao desenvolvimento híbrido.

 

Conclui-se que, a importância do Javascript nessas formas de desenvolvimento é dada somente a partir do momento em que se sabe exatamente a função que a aplicação irá realizar e o problema que busca solucionar. Tendo estes pontos bem definidos, a equipe técnica avalia a possibilidade de utilizar o Javascript. Em casos de desenvolvimento de apps nativos, esta avaliação precisa ser feita com mais cuidado, uma vez que é comum a utilização de linguagens de programação com um nível de código mais complexo e denso.

 

Deixe um comentário

Your email address will not be published.